“A melancolia de não saber bem o que eu quero”.

A primeira coisa que me vem à mente quando penso num deserto negro é a paisagem tão linda e vasta que dá incertezas sobre a gente mesmo. Pelo tamanho, pela beleza. A frieza não convidativa. Todos querem olhar, mas ninguém consegue chegar perto, de fato.

O “Deserto Negro” quer falar um pouco disso. Alice é uma garota de ímpetos que vai começar a trabalhar em uma loja de roupinhas de criança. Seu entusiasmo com os olhos pretos de boi que Nina tem a faz querer mais coisas do seu cotidiano.

Mas, mesmo se aproximando da nova amiga e vendedora, mesmo namorando o curioso Bruno, ela se sente distante de tudo. De todos. Até quando começa a ter estranhamentos com um escurecimento que vai percebendo nos dentes, ela não consegue se conectar.

O universo. Amplo. E a gente não consegue chegar.

Bonito. E triste.


Obs.:
este livro foi viabilizado com financiamento coletivo em 2018, ultrapassando a meta inicial e chegando aos 103%, arrecadando mais de 18.5 mil reais e alcançando mais de 230 apoiadores!

desertonegro.png

compre o livro


 

Você pode comprar meu livro pelo PagSeguro do UOL, tudo feito com segurança e tranquilidade!

 

1 unidade

Para você ou para alguém.
(R$39,90 + 9 reais de frete)

R$ 48,90

2 unidades

Para você e mais alguém.
(R$39,90 cada + 18 reais de frete)

R$ 97,80